Advocacia
Cabeleireira é condenada por manchar cabelo de cliente e na realizar serviços contratados.

Cabeleireira é condenada por manchar cabelo de cliente e na realizar serviços contratados.

Cabeleireira é condenada por manchar cabelo de cliente e na realizar serviços contratados.

Após manchado os cabelos de uma cliente durante procedimento de tintura, cabeleireira foi condenada por danos materiais e morais. Alem disso,consumidora havia comprado pacote que envolvia aplicação de mega-hair e a realização de escova progressiva, mas estes serviços que não foram entregues.

A autora narra que o conjunto de serviços foi vendido por R$ 2 mil, sendo que metade do valor pago como entrada, antes da realização dos serviços. Afirma que no dia marcado para colocar a extensão, somente a tintura e a progressiva foram realmente realizadas.

Ressalta, no entanto, que a progressiva, de acordo com as imagens juntadas ao processo, não aparenta ter sido aplicada, uma vez que não houve alteração no cabelo. Depois das sucessivas remarcações, o mega-hair nunca foi colocado.

Houve uma tentativa de acordo feita entre a advogada da ré e a autora, com a proposta de devolução parcelada dos valores pagos pelos serviços. Segundo a cliente, somente a primeira parcela foi paga, resultando um total de R$ 800 de débito. A ré não negou ou provou o contrário.

Duvidas? Entre em contato pelo chat ao lado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.